Aconteceu na Itália,  Minha Itália,  Minha vida em Roma

40 anos do Terremoto da Cidade de Irpinia

O terremoto Irpinia de 1980 foi um terremoto que ocorreu em 23 de novembro de 1980 e atingiu o centro da Campânia e o centro-norte da Basilicata.

Caracterizado por uma magnitude de 6,9 ​​graus da escala Mercalli,com epicentro entre os municípios de Teora, Castelnuovo di Conza e Conza della Campânia, causou aproximadamente 300 mil desabrigados,8.848 mil feridos e segundo as estimativas mais confiáveis,3.000 mil morto.

O terremoto ocorreu às 19:34:53 um forte terremoto que durou cerca de 90 segundos,a extensão dramática do terremoto não foi avaliada imediatamente,os primeiros noticiários falavam de um “terremoto na Campânia”,já que a interrupção total das telecomunicações impediu o alarme de soar.

Só tarde da noite a maior extensão começou a emergir,a partir de uma prospecção realizada na manhã do dia 24 de novembro por helicóptero,foram detectadas as reais dimensões do desastre.Os nomes dos municípios afetados foram acrescentados um após o outro,centros urbanos inteiros foram cancelados,dezenas e dezenas de outros foram gravemente danificados.

Belos e evocativos países destruidos,uma enorme tragédia humana marcada por quase três mil mortos,mais de oito mil feridos e 300 mil desabrigados,quarenta anos se passaram desde aquele terrível terremoto,o símbolo dessa tragédia permanece o desabamento do teto da Igreja Matriz de Balvano (Potenza) que sepultou 66 pessoas,em sua maioria crianças e adolescentes,apagando efetivamente uma geração da cidade.

O jornal “Il Mattino” de Napoles trouxe como titulo a primeira página do jornal “Apresse-se para salvar aqueles que ainda estão vivos, para ajudar aqueles que não têm mais nada”

Hoje as cidades foram recontruidas mas é um dia muito dificil de recordar.Uma página da história italiana que é uma grande cicatriz que ainda faz muito sofrer a sensibilidade humana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: