Minha Itália,  Minha vida em Roma,  Parques de Roma

A beleza de Villa Borghese

O terceiro maior parque da capital é a Villa Borghese em Roma é um lugar mágico e especial,um pulmão verde na metrópole capitolina que ainda mantém um encanto indestrutível já que aquela terra pertenceu justamente à família Borghese(rica família de origem Siena)por volta de 1580.
A Villa Borghese inclui diferentes tipos de jardins,desde o italiano até as grandes áreas de estilo inglês,mas também edifícios,pequenos templos,fontes e lagos.
Estende-se em grande parte pelo distrito de Pinciano e uma pequena parte pelo distrito de Campo Marzio,dividido pelas Muralhas Aurelianas.

Mas Villa Borghese é bem mais que isso,nesse maravilhoso porque podemos ver:

O Jardim do Lago:trata-se de um jardim inglês,transformado por Marcantonio IV Borghese no final do século XVIII em um jardim da moda.

Museu Cívico de Zoologia:fundado em 1932, o Museu Cívico de Zoologia possui um patrimônio de aproximadamente 5 milhões de espécimes preservados.

Il Galoppatoio:é um grande espaço localizado dentro da Villa Borghese entre a via del galoppatoio e a via San Paolo del Brasile.

Casino Nobile: esplêndido edifício do século XVII que também abriga a soberba coleção de obras do Cardeal Scipione Borghese.

Aviário:interior decorado com afrescos e duas fontes circulares, que captavam a água da chuva, colocadas no centro das duas salas para matar a sede dos pássaros.

Casino degli Uffizi e Casino del Graziano😮 primeiro é agora uma creche que ainda abriga esplêndidos baixos-relevos em seu interior,o segundo abriga uma importante galeria de pinturas e estátuas.

Casina delle Rose e Casa del Cinema:após a transferência para o Município de Roma em 1903,o edifício foi restaurado e toda a estrutura foi usada para funções mais mundanas. Desde 2004 acolhe a Casa del Cinema

Casina di Raffaello: abriga a sala de jogos municipal Casina das maravilhas.

O Villa Borghese só é possível mediante reserva de bilhetes por telefone na verdade e entrada é numero reduzido portanto,recomendamos que você reserve com alguns dias de antecedência,dado o extraordinário número de visitantes. O horário de abertura é todos os dias de terça a domingo, das 9 às 7. A bilheteira encerra às 18h30.

A Villa Borghese possui várias entradas,as mais popular é a da Porta Pinciana,em seguida vem a da escadaria Trinità dei Monti,a das rampas do Pincio à Piazza del Popolo e a entrada monumental da Piazzale Flaminio.
A construção da villa (a Villa Pinciana em Roma) hoje abriga a Galeria Borghese.

Chega ao parque com transporte público é muito fácil,além de vários ônibus o local é bem servido pela linha A do mêtro.Aconselhamos que desça na parada Flminio ou Piazza di Spagna (para Villa Borghese é a estação de metrô ideal) e depois siga as instruções que começam dentro do metrô.
Não é aconselhavél ir com carro porque além de ser dificil achar uma garagem os preços são altos.

Um parque lindo que deve entrar no itinerario de quem quer vir visitar Roma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: