Festas Italianas,  Minha Itália,  Tradicões italianas

Festa da Libertação “Festa da Liberazione”

Dia 25 de abril é o dia em que na Itália acontece a comemoração do aniversário da Festa da Libertação da Itália do poder nazista da Alemanha e do regime facista que ocorreu em 1945.A ocupação facista e nazista na Itália não terminou em um unico dia,mas é considerada uma data simbólica,porque aquele dia de 1945 coicindiu com o retirada dos soldados da Alemanha nazista.
É uma data muito importante para todos os italianos,a decisão de escolher o dia 25 de abril como a festa da Libertação foi decretada pelo governo provisório da Itália por “Alcides De Gaspari”que decretou a festa nacional.

Outros países europeus também lembram o fim da ocupação estrangeira durante a Segunda Guerra Mundial, mas em datas diferentes: a Holanda e a Dinamarca comemoram em 5 de maio, na Noruega é feriado em 8 de maio e na Romênia em 23 de agosto. Também na Etiópia, o dia da libertação é comemorado em 5 de maio, mas nesse caso para comemorar o fim da ocupação italiana, que ocorreu em 1941.

O que aconteceu antes de 25 de abril
Nos primeiros meses de 1945, havia várias dezenas de milhares de pessoas, principalmente partidárias, que lutaram contra a ocupação alemã e a república de Salò, no norte da Itália, com uma organização militar discreta.
Ao sul do Vale do Pó, em março de 1945,havia muitos soldados ocupantes reunidos para tentar resistir à ofensiva final dos Aliados que se intensificaram a partir de 9 de abril,em uma área a leste de Bolonha,ao longo de uma frente a frente,menos paralelo à via Emilia.
A ofensiva foi um sucesso imediato,tanto pela superioridade dos homens e meios dos agressores quanto pelo sentimento geral de desconfiança e inevitabilidade na derrota que se espalhou entre soldados e republicanos alemães,apesar dos desejos das mais altas autoridades alemãs e fascistas para continuar a guerra até o fim.
Em 10 de abril, o Partido Comunista circulou a todas as organizações locais com as quais a “Diretiva no. 16 “,que dizia que havia chegado a hora de “desencadear o ataque definitivo “, em 16 de abril,o CLNAI(Comitê Nacional de Libertação da Itália),que incluía todos os movimentos antifascistas e de resistência italianos dos comunistas aos socialistas,aos democratas-cristãos e aos acionistas ou seja,os membros do Partido de Ação emitiu instruções semelhantes de insurreição geral.
Os guerrilheiros organizaram e lançaram ataques a centros urbanos de Bolonha,que por exemplo foi atacada por partidários em 19 de abril e libertada definitivamente com a ajuda de aliados em 21 de abril.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: