Cidades Italianas

Roma a Capital da Itália

Roma cidade da Itália central,capital da província e da região do Lácio e capital da República Italiana, localizada nas margens do Tibre a cerca de 25 km do mar Tirreno. O principal centro do país para população e nó de comunicações rodoviárias,ferroviárias e aéreas de importância primordial estende seus 1308 km² de superfície municipal(a maior da Itália)em uma área predominantemente montanhosa que também inclui o pequeno estado de Città del Vaticano (0,44 km²).

A tradição indica com muita precisão o dia,ano e local da fundação de Roma no dia 21 de abril de 753 a.C no Monte Palatino.

É uma data completamente convencional estabelecida por Marco Terenzio Varrone no primeiro século a.C baseado nos cálculos astrológicos realizados por seu amigo Lucio Taruzio.
Mas como todos sabem também existe a lenda da fundação de Roma e vamos conhecer um pouquinho dela.


A lenda da fundação de Roma
Após a destruição da cidade de Troia pelos gregos(e a guerra de Troia narrada por Homer em seus poemas) Enéias o protagonista da Enéias de Virgilio e um grupo de companheiros,após uma longa peregrinação,chegam às costas do Lácio.
Aqui Enéias casa-se com Lavinia,filha de Latino o rei que fundou a cidade de Lavinio de onde Alba Longa surgirá.
Várias gerações se passaram,até que um dia descendente de Enéias a deusa Silva sacerdotisa da deusa Vesta e filha de Numitore,rei de Alba Longa,foi estuprada por Marteo deus da guerra e concebeu os gêmeos, Romulo e Remo. Mas naquela época, o trono de Numitore havia sido usurpado por seu irmão Amulius, que para evitar reivindicações dos herdeiros legítimos mandou os gêmeos serem jogados no Tibre. A cesta fica presa em uma curva do rio e as crianças são encontradas e amamentadas por uma loba,animal sagrado para Marte,pai de Romulo e Remo e depois cuidadas e criadas pelo pastor Faustolo e sua esposa Acca Larenzia

Já adultos Romulo e Remo retornam a Alba Longa,matam Amulio e devolvem Numitore seu trono.
Os gêmeos então decidiram fundar uma nova cidade no Monte Palatino,onde a loba os resgatou,eles examinaram o vôo dos pássaros,porque eram capazes de revelar a vontade dos deuses e em seguida, com o arado traçando o “sulcus primigenius” os limites sagrados da cidade, depois colocam grandes pedras chamadas “terminais” no chão, porque são consagradas a Terminus deus dos limites e os muros começam a ser construídos considerados sagrados e portanto, invioláveis.
Em vez disso,Remo tenta violá-los, um ato de grande sacrílego que paga com a morte.
Romulo então se torna o primeiro rei da cidade e dá o nome de Roma

Além da tradição que remonta ao nome de Romulo seu fundador atribui-se que o nome de Roma deriva de uma palavra etrusca ligada ao nome do rio Tibre, Rumon .
Uma hipótese diferente é a que dá o nome de Roma a partir de outra palavra da língua etrusca Ruma, que significa “peito” em memória da forma arredondada de suas colinas,ou da história dos gêmeos e do lobo.


Roma sempre foi uma das metas desejadas por turistas de todo o mundo,uma cidade plena de cultura e arte e o berço do cristianismo meta desejada dos peregrinos devotos.Uma cidade mágica que ganhou o titulo de “Cidade Eterna”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: